Minha foto
Voluntariamente autista, sociável com trouxas, fluência em melancolicês. Não tem dom de se expressar pela fonética, mas ama a escrita mesmo sem saber juntar a multidão de letras que seguem suas células. Apenas uma alma muda na imensidão de vozes.

Popular Posts

Blogger news

Tecnologia do Blogger.
sábado, 28 de novembro de 2015

. . .
Na primavera um Passarinho

Só para mim desata o canto - 
A primavera vai
Quando o verão já vem chegando -
E quando a Rosa está crescida
Vai-se o Pardal.

Mas eu não fico angustiada

Sabendo que meu Passarinho
Noutro lugar
Vai aprender além dos mares
Uma canção nova e bonita
E voltará.

Por mãos mais firmes apoiados

Em melhor solo acomodados 
Estão os meus - 
E embora busquem outro abrigo
Ao dúbio coração eu digo
Eles são teus.

Em mais serena Claridade,

Em áurea luz mais definida
Posso enxergar
Cada receio e cada cisma,
Cada pequena discordância 
se afastar.

E então não fico angustiada,

Sabendo que meu Passarinho
Noutro lugar
Em qualquer árvore pousando
Bela canção aos meus ouvidos
Me trará. 

Emily Dickison.


. . .


0 comentários: